Moro autoriza uso da Força Nacional no combate às queimadas no Pará e em Rondônia

Breno Pires - 24/08/2019 16:43


O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, autorizou o envio de tropas da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) para atuar nas ações de combate ao desmatamento ilegal da floresta Amazônica nos Estados do Pará e Rondônia. Ainda sem a quantidade de homens que serão enviados, a portaria assinada pelo ministro, com previsão de publicação na segunda-feira, 26, diz que o trabalho será feito em apoio ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

São dois dos seis Estados que já acertaram com o governo o envio de tropas das Forças Armadas, com base no decreto da Garantia da Lei e da Ordem (GLO). Os outros Estados são Roraima, Tocantins, Acre e Mato Grosso, conforme a atualização mais recente.

Antes mesmo da portaria entrar em vigor, a Força Nacional também enviou 30 bombeiros de Brasília para Porto Velho (RO) neste sábado, 24.

As tropas da Força Nacional foram deslocadas para os locais de alertas detectados pelo sistema Deter (Desmatamento em Tempo Real), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

O monitoramento do desmate por meio do sistema Deter, do Inpe, é alvo de questionamentos do presidente Jair Bolsonaro, que chegou a dizer que o órgão divulgava dados mentirosos, diante da sucessiva publicação de números dando conta de aumento no desmatamento. A crise resultou na exoneração do presidente do instituto, Ricardo Galvão, que rejeitou qualquer tipo de manipulação.

A portaria que prevê a atuação da Força Nacional "nos locais de alertas de desmatamento identificados pelo sistema Deter/Inpe" foi discutida em reunião entre ministros de Estado e o presidente Jair Bolsonaro. Não há obrigação para que os homens trabalhem apenas nesse local.

O Deter faz um levantamento rápido de alertas de evidências de alteração da cobertura florestal na Amazônia. Dados de alertas disponíveis indicam que a perda da vegetação este ano pode ter sido bem maior que no ano anterior. O agregado de alertas feitos pelo Deter - o sistema de detecção em tempo real - aponta alta de 40% ante o mesmo período do ano anterior.

Desde o início do ano, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, tem dito que pretende usar um sistema privado, em vez do Deter. Em julho, Salles usou imagens da tecnologia privada para contrapor captações feitas pelo Deter - sistema de alertas de desmate do Inpe - e exibir o que seriam imprecisões nas medições.

Conforme publicou o jornal O Estado de S. Paulo no dia 15, o sistema privado de monitoramento que o governo pretende usar para fiscalizar desmate na Amazônia já é usado como um "teste gratuito" dentro do Ibama, no Estado do Mato Grosso e no Pará.

O Planet, um sistema de mapeamento em alta resolução que pertence a uma companhia dos Estados Unidos, é fornecido localmente pela empresa brasileira Santiago & Cintra, do interior de São Paulo. Essa empresa, que é responsável por processar as imagens e interpretá-las, já realizou diversas reuniões com representantes do Ibama e do Ministério do Meio Ambiente neste ano.

Seja o primeiro a comentar esta notícia.


Participe! comente esta notícia
informe o seu nome.
@
por favor um e-mail válido
T

Veja Também

Presidente continua apresentando melhora progressiva

Boletim médico divulgado há pouco pelo Hospital Vila Nova Star informa que o presidente Jair Bolsonaro continua apresentando melhora clínica...

15/09/2019 11:16
TRF-4 nega recursos da União para blindar R$ 43 mi de delatora da Lava Jato

O Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) negou dois recursos ajuizados pela Fazenda Nacional da União que buscavam resguardar R$ 43.871.155,59...

15/09/2019 10:56
Formação constante ajuda no networking, diz Andrea Poleto Oltramari

Transformações no mercado têm feito com que se desenvolvam novos conceitos para traduzir habilidades necessárias àqueles que desejam garantir espaço...

15/09/2019 09:13
Correção: Universidade se torna um celeiro de unicórnios

A matéria enviada anteriormente neste domingo, dia 15/09/2019, às 08h52, contém uma incorreção.Favor desconsiderar o trecho a partir do subtítulo...

15/09/2019 09:11

Últimas Notícias

Carro Express

Renault Kwid Outsider, a versão top do subcompacto que mais vende

Não é à toa que o Renault Kwid vem sendo o preferido dos consumidores que buscam um carro pequeno, com vocação...

15/09/2019 18:04

Esportes

Guarulhos sofre virada em casa e precisa vencer em São José para avançar na 4ª Divisão

O Guarulhos se complicou na 4ª Divisão do Campeonato Paulista, ao perder, de virada, para o Fernandópolis por 2 a 1, no...

15/09/2019 13:14

Cidades

Carro capota e fica destruído no Jardim Vila Galvão

O GuarulhosWeb recebeu imagens de um carro capotado e bem avariado na esquina das Ruas Diogo Botelho com a Princesa Izabel, no Jardim Vila...

15/09/2019 12:17

Policial

Motorista embriagado tenta fugir, mas é pego pela polícia na Rodovia Ayrton Senna

Um motorista que dirigia pela Rodovia Ayrton Senna, altura do KM 28, 5, em Guarulhos, na noite deste sábado, 14/09, por volta das 20h20,...

15/09/2019 10:58