Domingo, 11 de Abril de 2021

Em 55 dias, Covid-19 já matou mais guarulhenses do que hipertensão e do que Alzheimer em todo 2019

Segundo o boletim epidemiológico divulgado nesta quarta-feira, 186 pessoas morreram de Covid-19 em Guarulhos

Por Katia Russões

20 de Maio de 2020 as 19:30

O número de guarulhenses mortos pela Covid-19 já superaram os óbitos na cidade por outras doenças, como a hipertensão e o Alzheimer, em todo o ano de 2019. Segundo o mais recente boletim epidemiológico divulgado em Guarulhos, nesta quarta-feira, 20/05, 186 pessoas faleceram de coronavírus desde que os primeiros óbitos foram confirmados em 27 de março, há menos de dois meses.

De acordo com o Sistema de Informação de Mortalidade de Guarulhos (SIM), que seguem os dados de Classificação Estatística Internacional de Doenças, no ano passado foram 154 guarulhenses mortos por doença cardíaca hipertensiva, 173 por doenças cerebrovasculares, 144 por transtornos do trato urinário e 132 por doença de Alzheimer.

O rastro de mortes que a pandemia do novo coronavírus tem deixado em todo o planeta assusta ainda mais porque no Brasil – e em Guarulhos particularmente – o número de novos casos e de óbitos continua subindo, mostrando que ainda não chegamos ao ápice da curva de contágio.

Ainda de acordo com os dados do SIM, ao todo foram registradas 7.169 mortes por doenças em 2019 em Guarulhos. A última atualização deste número aconteceu no dia 7 de maio, já que o documento é atualizado por conta de investigações sobre os óbitos.

Confira as 10 principais causas de óbitos ocorridos em Guarulhos no ano passado:

Infarto agudo do miocárdio - 948

Pneumonia por microrganismo NE - 306

Cardiomiopatias - 250

Outras doenças pulmonares obstrutivas crônicas - 248

Doenças isquêmica crônica do coração - 231

Diabetes mellitus NE - 201

Outras doenças cerebrovasculares - 173

Doença cardíaca hipertensiva - 154

Outros transtornos do trato urinário - 144

Doença de Alzheimer - 132

Demais causas - 4.382