Domingo, 24 de Maio de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

Rede municipal entra em colapso e Saúde improvisa leitos de UTI em Guarulhos

Taxa de ocupação é de 103%. "Lógico que esses 3% a mais são improvisações de desespero", afirmou o secretário da Saúde

Por Redação GuarulhosWeb

21 de Maio de 2020 as 20:23

Não há mais leitos de UTI em Guarulhos de acordo com o balanço do coronavírus divulgado pelo prefeito Guti em transmissão ao vivo realizada na noite desta quinta-feira, 21/5. Ao todo, o município registra 92% de taxa ocupação de UTI na rede estadual e 97% na taxa média geral. A rede municipal já colapsou e atingiu 103% de unidades ocupadas.


"Na municipal já colapsamos. Lógico que esses 3% a mais são improvisações de desespero. Colapsamos e tendo gente precisando ser entubada e com respirador, estão em uma sala de observação. Mas não tendo mais UTI, vem daí os 103%", afirmou o secretário da Saúde, José Mário Clemente.


"Se confirmando essa escalada que estamos tendo de casos confirmados, o colapso total está iminente. Lamentavelmente, completamente iminente", completou o médico.


Hospital de campanha, o Centro de Combate ao Coronavírus tem 10 leitos de terapia intensiva, também ocupados. O local já passa por improvisos urgentes para atender a demanda de casos graves de infectados pelo vírus. "As dez UTIs completamente ocupadas por casos graves que estão numa situação de entubação e respiração assistida. Estamos tendo a necessidade, que não deveríamos usar os quatro leitos da sala vermelha, que são leitos de passagem. Não distantes das características de UTI, mas não é para ser usado como UTI. O paciente grave é estabilizado nesse leito e dali vai pra UTI. Mas infelizmente estamos tendo, por absoluta necessidade, que usar um dos quatro leitos como UTI", concluiu Clemente.


Guarulhos registra, ao todo, 191 óbitos em decorrência do Covid-19. Outros 122 seguem em investigação. A cidade ainda contabiliza 1572 pessoas infectadas, enquanto 1851 aguardam os resultados dos exames.