Terça Feira, 07 de Julho de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

De 63 respiradores pedidos ao Estado em abril, Guarulhos só deve receber 20 na próxima sexta

Mesmo com sistema de saúde oscilando entre superlotação e colapso, cidade é uma das 13 que solicitaram equipamentos ao Governo do Estado e ainda não receberam

Por Redação GuarulhosWeb

03 de Junho de 2020 as 14:21

Mesmo após receber respiradores comprados no Exterior, o Governo do Estado ainda não enviou os equipamentos para Guarulhos e outras cidades que têm problemas urgentes com a taxa de ocupação hospitalar e já fizeram a solicitação à Secretaria Estadual da Saúde. Guarulhos pediu 63 respiradores no início de abril, mas só deve receber 20 deles. E apenas na próxima sexta-feira, 5/06. E todos para o Hospital Geral de Guarulhos, gerido pelo Estado, segundo reportagem do SP2, da Rede Globo.

A ocupação dos leitos hospitalares em Guarulhos oscila entre a superlotação e o colapso há mais de uma semana. Esse índice é o principal critério para iniciar a flexibilização da economia nas cidades. Depois de superar 100% de ocupação por dois dias seguidos, a taxa caiu para 93% nesta terça, 2/06.

A título de comparação, a Capital, que tem taxa de ocupação pouco superior a 60%, já recebeu 380 respiradores do Governo do Estado. Na cobrança da Prefeitura de Guarulhos sobre os equipamentos, feita em 15/05, o Departamento Regional de Saúde 1 da Secretaria Estadual da Saúde, responsável pela Grande SP, respondeu que ainda não sabia qual seria a grade de distribuição dos equipamentos.

Em entrevista ao SP2, o secretário Estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, afirmou que 80 respiradores seriam distribuídos ainda nesta terça a 8 cidades: Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Osasco, Barueri, Franco da Rocha, Francisco Morato, Diadema e São Bernardo do Campo. Para Guarulhos, ainda não.

“Guarulhos recebeu mais de R$ 6 milhões no dia 30/03. Está nas nossas prioridades. Nós fazemos a regulação da saúde com critérios objetivos de necessidade”, afirmou Vinholi.


Ampliação por conta própria

Guarulhos confirmou que recebeu, ao todo, aproximadamente R$ 31 milhões em auxílio dos governos estadual e federal. Atualmente, a cidade conta com 38 leitos municipais de UTI. Os hospitais estaduais têm 60 vagas.

Sem os equipamentos do governo estadual Guarulhos anunciou que deve dobrar a capacidade dos leitos municipais, com a contratação de vagas em três hospitais particulares e a ampliação de mais 10 no hospital de campanha do Parque Cecap.

O GuarulhosWeb questionou a Secretaria Estadual de Saúde sobre os critérios usados para a distribuição dos respiradores e aguarda a resposta.