Quarta Feira, 05 de Agosto de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

Após resultado inconclusivo, Vinicius Jr. refaz teste para covid-19 e não treina

futebol; Real Madrid; Vinicius Junior; Zidane; coronavírus

Por Redação GuarulhosWeb

09 de Julho de 2020 as 10:41

Um resultado inconclusivo em seu teste para covid-19 causou preocupação nesta quinta-feira no Real Madrid e tirou o atacante Vinicius Junior do último treinamento do time para a partida contra o Alavés, nesta sexta, no estádio Alfredo Di Stéfano, em Madri, pela 35.

ª rodada do Campeonato Espanhol.

Seguindo protocolos de saúde, o brasileiro teve que refazer o exame para afastar a possibilidade de testar positivo para o novo coronavírus.

Na entrevista coletiva por videoconferência desta quinta-feira, o técnico francês Zinedine Zidane comentou sobre a ausência de Vinicius Junior na atividade no CT de Valdebebas, nos arredores de Madri, e revelou que o resultado do novo teste deve sair em breve.

"Não é que ele tenha coronavírus; É que, às vezes, ao fazer o exame se dá um erro e precisa repetir.

Foi feito pela manhã e à tarde saberemos o resultado.

Não há problemas e o lógico é que esteja conosco amanhã (sexta-feira)", disse o treinador.

Nesta quarta-feira, outro jogador do Real Madrid, o atacante sérvio Luka Jovic, se isolou por conta do risco de contágio pelo novo coronavírus.

Ele esteve em contato com um amigo que apresentou teste positivo e o clube decidiu aplicar o protocolo de segurança.

Apesar de estar em quarentena, o resultado do exame de controle que Jovic se submeteu deu negativo.

Ainda assim, está pendente um segundo teste para que anos possa voltar aos treinamentos normalmente.

"Vocês têm a informação e, como não queremos arriscar, ele (Jovic) não está conosco.

São coisas que acontecem.

É verdade que ele não está muito feliz, sobretudo com a lesão.

Mas é um jogador muito bom, um atacante que faz gols, mas não jogou muito.

Contamos com ele para o próximo ano.

Houve pequenas coisas, mas como jogador é bom", afirmou Zidane.

Para encarar o Alavés, o treinador poderá contar com o retorno do meia Hazard, uma vez que o belga treinou normalmente após sobrecarga muscular.

"Ele não tem medo, mas é a terceira recaída e o incomoda um pouco.

Aqui há quem saiba muito mais que eu e a imagem (exame) está limpa, está perfeita.

Mas as dores são normais depois de um jogo ou treino forte.

Ele não tem medo e quer ajudar o time e estará conosco amanhã", completou.