Terça Feira, 22 de Setembro de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

Passageiro é acusado de homofobia e retirado de voo que saía de Guarulhos

A reação do passageiro aconteceu quando um comissário teria pedido que o homem levantasse o encosto do assento para a decolagem

Por Redação GuarulhosWeb

15 de Setembro de 2020 as 15:18

Durante um voo da Latam que saía de Guarulhos rumo a Fortaleza nesta segunda-feira, 14/9, um passageiro chamou um comissário de bordo de "viado". Após o episódio, o avião retornou à base e a Polícia Federal retirou o homem que fez o comentário homofóbico da aeronave.

A reação do passageiro aconteceu, segundo o portal IG, quando um comissário teria pedido que o homem levantasse o encosto do assento para a decolagem. O usuário rebateu xingando o profissional de "via... de bos... (sic)". Então, o funcionário da Latam reportou ao chefe o acontecido e a Polícia Federal foi acionada.

"Esclarecemos que foi solicitado o apoio da Polícia Federal para realizar o desembarque de um passageiro do voo LA3333 (São Paulo/Guarulhos – Fortaleza) da manhã de hoje (14) em função de comportamento indisciplinado. Repudiamos veemente qualquer tipo de ofensa e qualquer opinião que contrarie o respeito não reflete os valores e os princípios da empresa. Estamos à disposição. Reforçamos ainda que seguimos os mais elevados padrões de segurança, atendendo rigorosamente aos regulamentos de autoridades nacionais e internacionais", escreveu a companhia aérea, em publicação no Twitter, após o ocorrido.