Segunda Feira, 19 de Abril de 2021

Após França, Espanha e Suécia detectam casos da nova variante do coronavírus

Pacientes estiveram no Reino Unido, onde foi descoberta a linhagem que parece ser mais transmissível. Diversos países adotaram medidas para barrar voos saídos de lá

Por Redação GuarulhosWeb

26 de Dezembro de 2020 as 12:13

Após a confirmação do primeiro caso da nova cepa de Covid-19 descoberta no Reino Unido, as autoridades de saúde da Espanha e Suécia também confirmaram neste sábado, 26/12, as primeiras infecções da variante.

Na Espanha, foram quatro casos vinculados a pessoas que chegaram recentemente do Reino Unido, de acordo com Antonio Zapatero, vice-conselheiro de Saúde Pública da região de Madrid, em uma entrevista coletiva.

O que se sabe sobre a nova variante do coronavírus que levou a novo lockdown na Inglaterra

"A situação dos pacientes confirmados não é grave, sabemos que a cepa é mais transmissível, mas não provoca gravidade", disse.

"Não se deve tomar a notícia com nenhum tipo de nervosismo", completou Zapatero. O país tem outros três casos suspeitos da variante, mas ainda aguarda os resultados dos exames.

A agência sueca de saúde disse neste sábado que a nova variante da Covid-19 foi identificada em um viajante que tinha ido ao Reino Unido para as festas de Natal. Ele estava em Sormland, ao sul de Estocolmo, e este é o primeiro caso registrado no país.

A Suécia impôs restrições de viagem no início deste mês a passageiros do Reino Unido em meio a preocupações com a variante.


Com informações: G1