Domingo, 18 de Abril de 2021

Estado coloca Guarulhos na fase vermelha aos finais de semana e após 20h nos dias úteis

Fora desses períodos, município também regride e foi reclassificado na fase laranja, que impede a abertura de bares

Por Foto: Lucas Canosa

22 de Janeiro de 2021

O governador João Doria anunciou, em coletiva de imprensa na tarde desta sexta-feira, 22/1, o rebaixamento de todo o Estado à fase vermelha do Plano São Paulo aos finais de semana e após 20h - até às 6h - nos dias úteis. A medida, que passa a valer na próxima segunda-feira, 25, acontece após mais uma semana de piores nos indicadores do coronavírus.

Fora dos períodos de fase vermelha, Guarulhos também foi rebaixado da fase amarela para a laranja, que limita os horários de funcionamento de comércio, serviços e shoppings e impede a abertura de bares. Depois das 20h, apenas estabelecimentos essenciais, como padarias, mercados e farmácias, poderão operar.

O Plano São Paulo reclassifica de acordo com quesitos estabelecidos pelo próprio governo. Atualmente, além do número de mortes e casos de coronavírus, a ocupação de leitos tem preocupado as autoridades. No último Boletim Epidemiológico, divulgado nesta quinta-feira, 21, Guarulhos registrou 77% de unidades em atendimento, enquanto a Grande São Paulo - região a qual a cidade pertence no projeto - contabiliza 71,6% índice acima dos 70% exigidos pela administração para permanência na fase amarela. Caso o número fique acima dos 75%, a etapa mais restritiva passará a valer de forma definitiva em uma nova reclassificação.

Mudanças da fase laranja:

Todos os setores de comércio, exceto bares, com capacidade de 40%;

Abertura de 8 horas diárias, com atendimento presencial encerrado às 20h;

Parques estaduais, salões de beleza e academias funcionam com restrições.

O que permanece aberto durante os períodos de fase vermelha:

Padarias

Açougues

Bancos

Pet shops

Postos de combustíveis

Lavanderias

Transportadoras e oficinas de veículos

Farmácias

Mercados

Atividades religiosas

Hotéis e pousadas