Sexta Feira, 16 de Abril de 2021

Estados Unidos vão ajudar Argentina no combate à covid-19

EUA; coronavírus; Argentina

Por Sofia Aguiar

08 de Abril de 2021 as 15:02

Os Estados Unidos prestarão assistência sanitária à Argentina em meio ao surto do novo coronavírus.

O almirante Craig Faller, chefe do Comando Sul dos Estados Unidos, se reuniu hoje com o ministro da Defesa, Agustín Rossi, para discutir estratégias de cooperação e assistência na luta contra a covid-19, segundo a embaixada dos Estados Unidos na Argentina. Durante sua visita a Buenos Aires, Faller anunciará a entrega pelo governo dos Estados Unidos de três hospitais de campanha com seus respectivos equipamentos que serão utilizados no combate ao novo coronavírus. A explosão de casos nas últimas três semanas na nação argentina obrigou o presidente Alberto Fernández a restabelecer, a partir de sexta-feira, 9, medidas que restringem a circulação e limitam as reuniões sociais e a capacidade para algumas atividades, segundo a Associated Press.

"Ninguém pode negar que as infecções estão crescendo a um ritmo vertiginoso", disse o presidente hoje. Há cinco dias, Fernández anunciou que testou positivo para a covid-19.

No entanto, ele afirmou que faz "exames diários, de manhã e à noite" e que se sente bem.