Estadão

ANM intensifica fiscalização de pilhas de rejeito de mineração

A Agência Nacional de Mineração (ANM) decidiu criar uma força tarefa para fiscalizar pilhas de rejeitos de mineração, que foram o gatilho do transbordamento do dique de água Lisa, da empresa Vallourec, em 8 de janeiro, após as fortes chuvas que atingiram municípios mineiros.

"O que se pretende verificar é se existe algum dano potencial à jusante dessas estruturas para se evitar o que ocorreu. Vai se intensificar essa fiscalização. Estamos com uma programação muito rígida", disse Janio Leite, gerente regional da ANM, durante entrevista coletiva nesta quinta-feira.

Segundo informou a própria Vallourec em 8 de janeiro, as chuvas excessivas provocaram um "carreamento de material sólido" da pilha Cachoeirinha para o dique Lisa, localizado em Nova Lima, ocasionando o transbordamento do dique, que fica próximo da BR-040.

A estrutura serve para contenção de águas pluviais.