Início » Biden participa de cerimônias pelo 11 de setembro e elogia discurso de Bush
Estadão

Biden participa de cerimônias pelo 11 de setembro e elogia discurso de Bush

Ao longo do dia, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, participou de algumas cerimônias em virtude da marca de 20 anos dos ataques de 11 de setembro. Depois de publicar um vídeo ontem em razão da data, o democrata se resguardou nos discursos, mas na Pensilvânia falou com repórteres. "Os memoriais são muito importantes, mas também são incrivelmente difíceis para as pessoas que foram afetadas. Traz de volta os momentos, não importa quantos anos passem", disse.

Depois de Nova York, Biden visitou o Pentágono e a Pensilvânia, outros locais vítimas dos atentados. No último, a vice-presidente, Kamala Harris, e o ex-presidente George W. Bush discursaram.

O republicano, que comandava o país à época, afirmou que nos últimos anos, o EUA viram que "os perigosos vem não apenas além das fronteiras", e que há pouca diferença cultural entre "extremistas violentos fora e o que estão em casa". Bush ressaltou o desdém pela vida humana dos extremistas, e reafirmou a importância de confrontá-los. Biden elogiou o discurso de Bush, o chamando de "genuinamente bom, falando sobre quem nós somos".

Uma série de figuras globais seguiu ao longo do dia prestando condolências pela ocasião. A Família Real britânica emitiu uma nota afirmando que as preces e pensamentos da Rainha Elizabeth II estavam com as "vítimas, sobreviventes e famílias afetadas" pela tragédia.