Estadão

Blinken diz não ter visto sinais efetivos da Rússia querer avançar em negociações

O secretário do Estado norte-americano, Anthony Blinken, afirmou que ainda não viu sinais efetivos de que a Rússia está disposta a chegar a um acordo com a Ucrânia, como foi dito hoje por negociadores de Moscou. A declaração de Blinken foi dada em coletiva à imprensa nesta terça-feira, ao lado do ministro de Relações Exteriores do Marrocos, Nasser Bourita.

"Tem o que a Rússia fala e o que a Rússia faz, estamos focados na última. O que a Rússia está fazendo no momento é continuar a escalada brutal na Ucrânia", disse ele. "O que a Rússia deveria fazer é acabar com a agressão agora", completou.

Segundo Blinken, cabe aos ucranianos avaliar se realmente há um progresso por parte da Rússia no contexto das negociações. "Se a Ucrânia concluir que sim, isso é bom e vamos apoiar isso", destacou.