Início » Cheia do Tietê motiva ato de pescador

Cheia do Tietê motiva ato de pescador

A cheia do Rio Tietê nesta segunda-feira, 10m virou motivo para um protesto feito pelo funileiro aposentado Mário Roberto dos Santos, de 70 anos. Com duas varas de pescar, ele parou sobre a Ponte das Bandeiras no fim da tarde. "Vi acontecer a primeira cheia quando era criança", disse.

"Estou curtindo o Tietê. Temos de olhar pelo rio", acrescentou ele, que é morador do bairro da Casa Verde, na zona norte da capital paulista. De lá, saiu andando pela região, no fim da manhã, até parar na ponte, onde expunha suas varas com peixes de plástico no anzol. As informações são do jornal <b>O Estado de S. Paulo.</b>

Comentar

Clique aqui para comentar