Polícia

Fábrica de pipocas em Guarulhos usava chocolate vencido para embalar ovos de páscoa

A Polícia Civil fechou uma unidade da fábrica de pipocas Emíia, localizada em Cumbica, em Guarulhos, por utilizar chocolates vencidos para produzir ou reembalar ovos de páscoa.  A Vigilância Sanitária Municipal interditou o local.

No local, a Polícia encontrou uma passagem falsa atrás de uma escada para o subsolo, onde estavam os chocolates e maquinário que servira para embalar os produtos. Um outro depósito da empresa em Arujá foi localizado, onde estavam armazenadas grandes quantidades de chocolate, todos vencidos, que foram devolvidos aos fabricantes por lojistas e supermercados após a páscoa deste ano.

Segundo um advogado da empresa, os chocolates seriam descartados e apenas as embalagens foram reaproveitadas. A Vigilância Sanitária Municipal esteve no local e realizou a interdição, proibindo inclusive que toda a produção de pipocas não possa mais ser comercializada. No início do ano, o mesmo estabelecimento foi alvo da fiscalização da Prefeitura, quando foram constatados uma série de problemas de higiene, como proliferação de ratos no local.

O caso foi registrado no 4o Distrito Policial de Guarulhos