Início » Felipe Melo pede para Palmeiras esquecer dia 27 e plantar vitórias no Brasileirão
Estadão

Felipe Melo pede para Palmeiras esquecer dia 27 e plantar vitórias no Brasileirão

O Palmeiras fez 2 a 0 na Chapecoense, na Arena Condá, no dia 18 de setembro. A partida foi há quase um mês e, desde então, o time paulista não sabe mais o que é vencer. São sete jogos de jejum, incluindo as duas semifinais contra o Atlético-MG na Copa Libertadores que terminaram com empate. A série ruim fez o time despencar de vice-líder para o quinto lugar no Brasileirão e trouxe ruídos com a torcida. Líder do grupo, o volante Felipe Melo pediu para o time esquecer a final contra o Flamengo, dia 27 de novembro, e voltar a "plantar vitórias" no Brasileirão.

Domingo, o clube recebe o Internacional, um ponto atrás na classificação (40 a 39) e a ordem é se recuperar após resultados inesperados, dentre eles a virada por 2 a 1 para o América-MG, em Belo Horizonte, e os 4 a 2 para o Red Bull Bragantino, em casa, que fizeram a torcida perder a paciência e ofender o português Abel Ferreira.

"A nossa entrega é diária, temos um compromisso com o clube, com o trabalho. Claro que na vida, tanto no âmbito profissional quanto no pessoal, existem momentos de tempestades. Mas temos que aprender com esse momento, com as derrotas", afirma Felipe Melo, pedindo calma. "A autoconfiança é muito importante na nossa profissão. Temos a ciência que precisamos chegar bem no dia 27, mas antes dessa partida, temos que plantar as vitórias no Brasileirão", enfatiza.

Com meta de terminar entre os quatro melhores do Brasileirão, o Palmeiras vai tentar, diante dos gaúchos, resgatar a terceira posição perdida para Fortaleza e Red Bull Bragantino após o empate sem gols diante do Bahia. Felipe Melo, contudo, prega cautela, ciente da boa fase dos comandados de Diego Aguirre.

"Será um jogo difícil contra o Internacional. Eles vêm de vitórias, assisti a partida ontem (quarta-feira) deles e ganharam por 3 a 1 do América-MG. Criaram bastante, então será complicado", prevê. "Mas somos o Palmeiras e para aquilo que queremos e almejamos na competição, é uma ótima oportunidade de a gente voltar a vencer", diz.

O volante não esconde que o futebol apresentado ultimamente vem sendo abaixo do desejado, porém promete dias melhores aos torcedores. "A gente sabe que pode melhorar muito e isso faz parte do trabalho. Antes de qualquer cobrança externa, existe a nossa interna. Sabemos que iremos melhorar e esperamos que isso aconteça já no próximo jogo."