Estadão

Índia bate novo recorde diário de mortes por covid, com 4.329 óbitos

A Índia registrou novo recorde de mortes por covid-19 nesta terça-feira, 18, ao mesmo tempo em que o número de infectados tem diminuído nos últimos dias. De acordo com o <i>Guardian</i>, foram relatados 4.329 óbitos nas últimas 24 horas e 263 mil novos casos. Segundo a universidade americana Johns Hopkins, desde o início da pandemia, o país superou 25 milhões de contaminações e 278 mil vidas perdidas.

De acordo com dados do "Our World in Data", projeto ligado à Universidade de Oxford, a Índia foi responsável por 41% de todas as mortes e 49% de todos os casos confirmados no mundo nas últimas vinte e quatro horas.

<b>China</b>

Para agilizar a imunização contra a covid-19, a cidade de Xangai, na China, começou a administrar uma vacina de dose única desenvolvida pela empresa chinesa CanSino Biologics. De acordo com as autoridades de saúde locais, a campanha de vacinação foi lançada na quinta-feira (13) e, até segunda-feira, 17, a cidade havia aplicado o fármaco em 23.154 pessoas.

A empresa afirma que a vacina utiliza diferentes técnicas de fabricação, o que resulta em diferentes dosagens necessárias. Segundo a agência <i>Xinhuanet</i>, vários postos de imunização na cidade relataram um aumento significativo no número de pessoas perguntando sobre o fármaco de dose única.