Estadão

No DF, Queiroga vacina Tarcísio Freitas, André Mendonça e Jorge Oliveira, do TCU

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, aplicou na manhã desta segunda-feira, 5, em Brasília, vacinas contra a covid-19 nos ministros do governo Tarcísio Freitas (Infraestrutura) e André Mendonça (Advocacia-Geral da União) e no ministro do Tribunal de Contas da União Jorge Oliveira, que já foi da equipe do presidente Jair Bolsonaro. Segundo dados da Secretaria de Saúde da capital, o Distrito Federal realiza agendamento da primeira dose das vacinas para pessoas de 44 a 59 anos. Os ministros vacinados estão nessa faixa etária.

Em conversa com jornalistas no local de vacinação, Queiroga ressaltou o avanço da campanha contra a covid-19 e a importância da imunização para a retomada do desenvolvimento do País. "É necessário que a União e os entes subnacionais, as secretarias estaduais de Saúde trabalhem de maneira alinhada para que a campanha de vacinação aconteça de forma eficiente e traga resultados que todos nós desejamos", comentou o ministro da Saúde. Queiroga ainda atribuiu a queda na média de novas mortes por covid-19 ao avanço da imunização.

O perfil oficial do Ministério da Saúde no Twitter divulgou uma foto do momento da vacinação de Tarcísio Freitas. Segundo a publicação, Queiroga disse que Jair Bolsonaro pediu a ele que seja o "Tarcísio da Saúde", em referência ao desempenho de Tarcísio à frente da Infraestrutura sempre elogiado pelo presidente. "Estou me esforçando", disse Queiroga, conforme aponta a publicação.