Estadão

Rússia impõe sanções contra congressistas de EUA e Canadá, em retaliação

A Rússia decidiu impor sanções contra congressistas dos Estados Unidos, em retaliação contra medidas já impostas por Washington pela guerra na Ucrânia. Em comunicado, o Ministério das Relações Exteriores russo diz que a punição agora anunciada "espelha" sanção anterior dos EUA, tendo como alvo 398 membros da Câmara dos Representantes americana. Os legisladores não poderão, por exemplo, viajar à Rússia.

Em outro comunicado, a chancelaria russa anuncia sanções contra parlamentares do Canadá, pelo mesmo motivo. Nesse caso, o alvo é o Senado canadense, com 87 membros da Casa como alvos da punição.