Cidades

Salão do Livro reuniu 200 mil pessoas e movimentou R$ 6 milhões

Evento literário reuniu escritores brasileiros e estrangeiros e teve diferentes espaços

Com diversos auditórios destinados a palestras, bate papos e apresentações culturais, sala de imprensa, estação ciência, espaço Multimídia, Comix e praça de alimentação, os mais de 200 mil visitantes do Salão do Livro, que compareceram ao evento, contaram ainda com 600 vagas de estacionamento.

Além de escritores ligados à Academia Guarulhense de Letras e ao Movimento Independente Lê Guarulhos, o Salão do Livro de Guarulhos também trouxe escritores estrangeiros para esta edição. São eles: José Eduardo Agualusa [Angola], José Pacheco [Portugal] e José Manuel Prieto [Cuba].

Outros destaques desta edição foram: Chico Cesar, Mário Prata, Flávio Gikovate, Xico Sá, Zuenir Ventura, Glauco Mattoso, Serginho Groisman, Domício Proença Filho, Ruy Castro, Arnaldo Antunes, Marçal Aquino, Laura Muller, Thalita Rebouças, Elomar, Jairo Bouer, Pia Fraus e Parlapatões.

O Salão do Livro de Guarulhos 2011 foi uma realização da Prefeitura de Guarulhos, através das Secretarias de Educação e Cultura, em parceria com a Associação Brasileira de Difusão do Livro (ABDL) e a Associação Nacional de Livrarias (ANL).