Estadão

Sem um gatilho forte, cautela domina abertura de negócios no Ibovespa

Sem um forte gatilho tanto do ponto de vista doméstico quanto externo, a abertura dos negócios no mercado acionário local indica o sentimento de cautela dos investidores, que seguem na expectativa do que será dito amanhã pelo presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, no Seminário de Jackson Hole. O Ibovespa abriu na mínima, em queda de 0,31%, aos 120.447,18 pontos em linha com os índices futuros de seus pares em Nova York, como S&P500 e Nasdaq, que recuavam 0,11% e 0,27%, respectivamente. Dow Jones destoava com alta de 0,11%.

Às 11h01, o Ibovespa apresentava variação negativa de 0,04%, aos 120.768,84 pontos.

No Brasil, as preocupações fiscais, principalmente em relação sobre como se dará o pagamento dos precatórios previstos para o ano que vem, seguem como pano de fundo enquanto membros da equipe econômica reafirmam que não há espaço no orçamento.

Do ponto político-institucional, que também segue no radar, o arquivamento pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, do pedido de afastamento do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), reduziu, por enquanto, a temperatura. Hoje mais cedo, o presidente Jair Bolsonaro criticou Pacheco dizendo que ele agiu de maneira diferente de como agiu no passado.

O contexto conturbado seguem em um ambiente de temor inflacionário, com a crise hídrica ganhando os holofotes e preocupando sobre os impactos sobre atividade econômica e PIB de 2022, segundo avaliam economistas da LCA.

Na agenda local ainda, o Caged, referente a julho, mostrou criação de 316.580 vagas, acima da mediana de 300 mil aberturas do Projeções Broadcast, mas dentro do intervalo (173.156 a 395.000). Há pouco, o ministro da Economia, Paulo Guedes, iniciou sua participação na Comissão Temporária da Covid-19 do Senado e disse que a segunda onda de contaminações do novo coronavírus está descendo e a economia está voltando.

No exterior, mais cedo, em ata de mais recente reunião, o Banco Central Europeu (BCE) indicou que, para que os juros sejam elevados, a inflação deve atingir a meta (2%) "bem antes do fim do horizonte de projeção", desde que haja evidências de que o movimento é duradouro.

Na quarta-feira, o ex-presidente do Fed Ben Bernanke disse que a autoridade monetária americana vai esperar a divulgação de mais alguns relatórios mensais de emprego, o payroll, antes de se decidir sobre mudanças na política monetária. E um dos pontos a se avaliar é se a variante delta do coronavírus reduziu a criação de postos de trabalho nos Estados Unidos.

Os contratos futuros do petróleo operam em baixa, mas o preço do minério de ferro negociado no porto de Qingdao, na China, continuou a expandir ganhos desta semana e fechou em alta de 2,87% nesta quinta-feira.

Tags