Início » Soldado da FAB da Base Aérea de Guarulhos morre tentando salvar crianças no Guarujá   
Polícia

Soldado da FAB da Base Aérea de Guarulhos morre tentando salvar crianças no Guarujá   

Mateus da Silva Santos, de 22 anos, soldado da FAB (Força Aérea Brasileira), que atuava na Base Aérea de São Paulo, em Guarulhos, morreu afogado ao tentar resgatar duas crianças de 12 anos, no Guarujá, no litoral sul de São Paulo, na tarde desta sexta-feira (4). Um dos garotos permanece desaparecido. 

Segundo a TV Record, o caso ocorreu por volta das 17h na Praia do Guaiúba, que fica a 2,5 quilômetros da Praia das Pitangueiras. Mateus conseguiu resgatar uma das crianças. 

O soldado foi para o Guarujá na quinta-feira (3) com alguns amigos para passar o feriado. Na sexta-feira (4), Mateus e os colegas presenciaram dois meninos, de 12 anos, se afogando. O soldado, que não possuía experiência em mergulho ou salvamento, entrou no mar para ajudar. 

O jovem conseguiu retirar uma das crianças, porém, uma forte onda o cobriu. Naquele momento, Mateus arremessou o garoto para fora e afundou no mar.  

Os meninos eram amigos e estavam com a mãe de um deles, que teve o filho resgatado. Mateus chegou a ser socorrido e encaminhado ao hospital do município, onde já chegou sem vida. O Corpo de Bombeiros do Guarujá informou que as buscas pela criança permanecem neste sábado (5). 

Mateus estava na corporação há três anos e foi influenciado a seguir a profissão pelo padrasto, que fazia parte da 2ª turma de 1995 da Aeronáutica. 

O jovem era solteiro e morava sozinho em Guarulhos, onde trabalhava. A família diz que ele era muito guerreiro, bom e que morreu como herói. 

O corpo de Mateus está no IML (Instituto Médico Legal) de Praia Grande, cidade vizinha. A mãe e o padrasto vão fazer o reconhecimento do corpo. 

O caso foi registrado na delegacia sede do Guarujá