Estadão

Ucrânia relata descoberta de mais de 900 civis mortos na região de Kiev

Os corpos de mais de 900 civis foram descobertos na região de Kiev, a capital da Ucrânia, após a retirada de forças russas, segundo o chefe da força policial local, Andriy Nebytov.

Nebytov disse nesta sexta-feira, 15, que os corpos haviam sido abandonados nas ruas ou enterrados de forma provisória. Segundo ele, dados policiais indicam que 95% das mortes foram causadas por atiradores de elite ou ferimentos de bala.

"Consequentemente, entendemos que durante a ocupação (russa), pessoas foram simplesmente executadas nas ruas", disse Nebytov.

Ele acrescentou que mais corpos vêm sendo encontrados diariamente, sob escombros e em valas comuns.

"A maioria das vítimas foi encontrada em Bucha, onde há mais de 350 cadáveres", afirmou Nebytov.