Estadão

Alemanha: índice IFO de sentimento das empresas tem maior nível em mais de 2 anos

O índice de sentimento das empresas da Alemanha subiu de 99,2 pontos em maio para 101,8 pontos em junho, atingindo o maior patamar em mais de dois anos em meio à reabertura da economia local, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 24, pelo instituto alemão IFO. O resultado deste mês superou a expectativa de analistas consultados pelo <i>The Wall Street Journal</i>, que previam avanço do indicador a 100,5 pontos.

O chamado subíndice de expectativas econômicas do IFO avançou de 102,9 pontos em maio para 104 pontos em junho, enquanto o subíndice de condições atuais aumentou de 95,7 para 99,6 pontos no mesmo período.

"O sentimento entre gerentes alemães melhorou de forma marcante mais uma vez (…); a economia alemã está superando a crise do coronavírus", comentou o IFO em comunicado. A pesquisa mensal envolve cerca de nove mil empresas dos setores de manufatura, serviços, comércio e construção. Fonte: Dow Jones Newswires.