Início » Atlético de Madrid vê Elche perder pênalti, vence e mantém liderança do Espanhol
Estadão

Atlético de Madrid vê Elche perder pênalti, vence e mantém liderança do Espanhol

Com drama, emoção e muito sofrimento, o Atlético de Madrid derrotou o Elche por 1 a 0 neste sábado, fora de casa, e se garantiu por mais uma rodada na liderança do Campeonato Espanhol. Llorente marcou no primeiro tempo o gol que garantiu a vitória. Os anfitriões ainda tiveram uma penalidade no fim do jogo, mas desperdiçaram, para a lamentação de Real Madrid e Barcelona, perseguidores do líder.

Com o triunfo fora de casa, o Atlético de Madrid foi aos 76 pontos e abriu cinco de vantagem para Real e Barcelona, segundo e terceiro colocados respectivamente. Os dois ainda entram em campo pela 34ª rodada da liga espanhola neste fim de semana e podem reduzir a diferença. De qualquer maneira, o time de Diego Simeone seguirá no topo ao final da rodada.

O Elche luta contra o rebaixamento e, com o revés em seu reduto, perdeu a oportunidade de deixar a zona da degola. No momento, é o 18º colocado, abrindo o descenso com 30 pontos, mesma pontuação do Valladolid, primeira equipe fora do grupo dos três piores, mas perdendo no critério de desempate.

O Atlético protagonizou um início de jogo fulminante. Nos 20 primeiros minutos, a equipe madrilenha dominou completamente o rival, chegando a ter quase 80% de posse de bola, pressionou com quatro finalizações e chegou a balançar as redes com Luis Suárez. No entanto, o uruguaio estava em posição de impedimento e o gol foi anulado com o auxílio do VAR.

Depois de muito insistir, os colchoneros abriram o placar aos 22 minutos. Carrasco fez linda jogada pela esquerda, foi até a linha de fundo e cruzou para trás, onde Llorente apareceu para bater de chapa. A bola desviou no meio do caminho e morreu nas redes de Gazzaniga.

Os visitantes diminuíram um pouco o ritmo depois do gol e deixaram o Elche ocupar mais o seu campo de defesa. Os donos da casa, no entanto, mostraram pouco poder de ação no ataque.

O time do técnico Simeone continuou superior na volta do intervalo e criou oportunidades de gol para definir o duelo, mas não aproveitou nenhuma. Na melhor delas, Suárez finalizou na rede pelo lado de fora. O uruguaio voltou a balançar as redes, mas novamente o tento foi anulado porque ele foi flagrado em posição irregular.

Diante da necessidade de buscar o empate, o Elche se lançou ao ataque e levou perigo mesmo sem organização e com dificuldade para criar. Barragán, livre na pequena área, teve em seus pés a chance do empate, mas mandou por cima do gol de Oblak. Depois, aos 43, o árbitro marcou pênalti após a bola bater no braço de Llorente. No entanto, na cobrança, Fidel acertou a trave e os anfitriões desperdiçaram uma oportunidade preciosa de evitar a derrota