Carro GWeb TV

AVALIAÇÃO – 1.500 km com o Novo Fiat Pulse Drive 1.3 CVT

Ao longo de 20 dias, avaliamos o novo Fiat Pulse Drive 1.3 CVT, versão quase de entrada do primeiro SUV produzido pela Fiat no Brasil e lançado no ano passado. Foram 1.500 quilômetros rodados, mais de dois terços em estradas durante viagem de final de ano com a família. Ou seja, diferentes tipos de rodovias, carro cheio, condições adversas etc etc.
Neste tipo de avaliação – mais tempo e durante uma viagem longa incluindo deslocamentos dentro das cidades – é possível vestir melhor o carro, se sentir mais dono, quando dá para perceber detalhes que podem até passar despercebidos em períodos de uma semana (tempo convencionado para cessão dos automóveis pelos fabricantes).


Equipado com o motor 1.3 Firefly, que gera 107 cv de potência com etanol a 6.250 rpm e 134 Nm (13,7 kgf.m) a 4.000 rpm, o Pulse Drive CVT demonstra que pode ter vocação de ser um dos mais vendidos pela Fiat, a despeito das versões mais cobiçadas, equipadas com o motor 1.0 turbo e mais itens de série. Com um bom número de equipamentos de série embarcados, consegue custar menos (um pouco menos que R$ 100 mil) que o irmão mais potente e acaba tendo um custo-benefício até mais interessante. Isso não é difícil de explicar.
Durante a avaliação, apresentou resultados bastante satisfatórios. Na estrada, com dois adultos a bordo e bastante bagagem, abastecido com etanol, durante 600 quilômetros, apresentou – no próprio computador de bordo do veículo – consumo na casa dos 12 km/l. Saliente-se que a maior parte do tempo com ar-condicionado acionado. Na volta, com quatro adultos e mais bagagem ainda, abastecido com gasolina, fechou mais 600 km/l com 14,5 km/l.
Vale destacar que o Pulse Drive 1.3 CVT foi muito bem em todo o trajeto, a uma média de velocidade próxima aos 120 km/h tanto nas rodovias de pista dupla, como naquelas estradonas de pista simples com retas a perder de vista e suas subidas e descidas “intermináveis”. Para manter a velocidade, muitas vezes, as reduções de marcha eram inevitáveis e o motor até roncava mais alto, mas sem se acanhar. Nos momentos em que se precisava mais, para uma ultrapassagem rápida, a mesma coisa. Apesar de gritar, o 1.3 Firefly deu conta do recado.

Design

O Pulse lembra muito o irmão menor Argo. A dianteira, alta e imponente, conta com para-choque elevado, que amplia o ângulo de entrada. Os faróis são de LED. Abaixo fica uma segunda entrada de ar, com grandes para os faróis de neblina, também de LED, nas laterais.
O estilo musculoso do Pulse se mantém na lateral, com grandes arcos em torno dos para-lamas, rack longitudinal no teto e acabamento diferenciado sob os vidros. As rodas de liga leve têm desenho exclusivo nas diferentes versões, combinando perfeitamente com a suspensão elevada e o estilo do SUV.
Na traseira as lanternas tridimensionais têm perfil elevado. Também em LEDs, elas são posicionadas para otimizar sua visualização por outros condutores, reforçando a segurança ao mesmo tempo em que cria uma identidade visual característica da Fiat. O para-choque traseiro otimiza o ângulo de saída do Pulse.
Por dentro, o Pulse se apresenta com um novo e exclusivo painel, que recebe tons prata e cinza com diferentes elementos. As peças usam um mix de texturas agradáveis ao toque. Os bancos da versão Drive são em malharia e apresentam costura aparente em um design envolvente. A manopla de câmbio é adornada por uma discreta borda prateada, mesmo tom usado ao redor dos comandos do novo volante,que permite acessar diversas funções, como ajustar o som, trocar as marchas por meio de paddle-shifters ou acionar o modo Sport com apenas um toque.
O painel 100% digital entrega o que se espera em um sistema multimídia. Nesta versão conta com monitor de 8,4 polegadas com conexão via internet 4G. Os comandos do sistema de som, ar-condicionado e controles do veículo ficam reunidos em um cluster integrado, facilitando o rápido acesso aos principais recursos do Pulse. Abaixo dele ficam duas entradas USB, sendo uma do tipo C, posicionadas logo acima do carregador de celular por indução. Outro conector USB colocado entre os bancos permite que os passageiros do assento traseiro carreguem seu smartphone.
Ele conta ainda com 18 porta-objetos espalhados pela cabine, que totalizam 25 litros de armazenamento.

Veja o que o Pulse Drive 1.3 CVT oferece de série:

Veja o que o Pulse Drive 1.3 CVT oferece de série:
– Abertura elétrica do bocal de abastecimento
– Airbags (4) – Frontal (2), Tórax e Cabeça (2)
– Alarme antifurto
– Alerta de não utilização do cinto de segurança (5) – motorista, passageiro dianteiro e passageiros traseiros (3)
– Fiat Sound System
– Ar-condicionado automático e digital
– ASR (Controle eletrônico de tração)
– Banco do motorista com regulagem de altura
– Barras longitudinais no teto
– Central multimídia com tela de 8,4″ touchscreen, Apple Car Play e Android Auto wireless, Comandos de Voz, Bluetooth, MP3, Rádio AM/FM, Entrada Auxiliar, Porta USB (2): USB Tipo A e Tipo C.
– Chave canivete com telecomando
– Comandos de áudio e painel de instrumentos no volante
– Computador de Bordo (distância, consumo médio, consumo instantâneo, autonomia, velocidade média e tempo de percurso)
– Desembaçador do vidro traseiro com temporizador
– Direção elétrica
– ESP (Controle eletrônico de estabilidade)
– ESS (Sinalização de frenagem de emergência)
– Faróis em LED
– Função “Follow me Home”
– Gancho universal para fixação de cadeira para crianças (ISOFIX)
– HCSS (Sistema de partida a frio sem tanque auxiliar)
– Hill Holder (Assistente partida em rampa)
– Lanterna traseira em LED
– LED DRL
– Piloto automático (Cruise control)
– Repetidores de seta laterais em LED
– Retrovisores externos com regulagem elétrica e função Tilt down
– Retrovisores externos na cor preta
– Roda de liga leve de 16 polegadas
– Sensor de estacionamento traseiro
– TC+ (Traction Control Plus)
– Travas elétricas com travamento automático a 20 km/h
– USB traseira (Tipo A)
– Vidros elétricos dianteiros e traseiros com função one touch e antiesmagamento
– Volante com regularem de altura
– iTPMS (Monitoramento de pressão dos pneus)
– Lane Change (Função auxiliar para acionamento das setas indicando trocas de faixa)
– Quadro de instrumentos 3,5″ multifuncional com relógio digital, calendário e informações do veículo em TFT personalizável
– Câmbio automático CVT (7 velocidades simuladas)
– Maçanetas externas na cor da carroceria
– Retrovisores externos na cor da carroceria
– Console central com apoio de braço, porta-copos, porta-celular e porta-objetos
– Modo Sport com botão de acionamento no volante
Opcionais:
– câmera de ré com linhas adaptativas,
-carregador wireless, Key Less Entry’n Go,
– partida remota via chave,
– pintura bicolor.