Estadão

BBB 22: Soneca após festa longa e movimento FreeBritney são destaques do dia

O Big Brother Brasil está entrando na reta final. Com apenas sete integrantes na casa, Jessilane e Eliezer tentam se apoiar após a saída de Natália Deodato. Gustavo, Arthur, Paulo André, Pedro Scooby e Douglas Silva continuam invictos e cada vez mais confiantes que chegarão ao top 5 do programa.

Na última quarta-feira, 13, foi dia de celebração na casa. Com três shows, os brothers curtiram muito o momento. Até Jessi considerou a festa como a melhor de todo o programa.

"Uma das festas mais maravilhosas no sentido de lembrar que a gente tem uma vida lá fora e tem momentos bons e felizes também. Um valor sentimental grandíssimo", disse a professora.

<b>A festa</b>

Na festa desta quarta-feira, 13, o cantor Luan Santana cantou alguns sucessos da sua carreira como Morena e Meteoro. Ele falou que é fã do programa e que está achando a reta final do reality emocionante.

Fotos da infância, carreira e de momentos importantes de cada um dos brothers foram exibidas num telão, que contava com um pequeno palco onde podiam soltar a voz. As fotos foram acompanhadas das músicas favoritas de cada participante.

Scooby chegou a comparar Gustavo com Chris Hemsworth, ator que interpreta Thor no MCU. "Tu lembra um pouco o Thor, mano!", comentou o surfista. "Meu apelido era Thor gordo", respondeu Gustavo.

A música de Jessi foi Hoje Ela Só Quer Paz, do também ex-BBB Projota. Última mulher do elenco, a professora se emocionou ao ser abraçada pelos seis rapazes e receber o carinho deles.

Depois da emoção, eles curtiram o show de Matheus Fernandes, que recebeu a cantora Mari Fernandez no palco para cantar a música Parada Louca. "O tanto que eu esperei por sertanejo e piseiro, teve os dois na mesma festa!", comemorou Jessi.

As últimas atrações foram L7nnon e Filipe Ret, dois dos cantores favoritos de Pedro Scooby e Paulo André. "Se continuar assim, posso ficar mais 90 dias nessa casa", disse PA.

A festa foi longa e os brothers dormiram durante toda a manhã e boa parte da tarde para recuperar as energias, pois quinta-feira é dia de Prova do Líder.

<b>Movimento Free Britney </b>

Os confinados acordaram à tarde e foram obrigados a permanecer na área externa da casa enquanto acontecia a manutenção interna. O papo que mais rendeu foi sobre o movimento Free Britney. Fã da cantora pop, Eliezer se mostrou muito incomodado com as decisões de Jamie Spears, quando tinha a tutela da artista.

"O pai dela fazia ela de escrava. Eu ganho mais que a Britney Spears. Tem noção disso? Ela cuidava da própria casa, não podia ter ajuda nenhuma dentro de casa. Ela começou a sair agora, seis meses atrás. Passou 13 anos por isso", contou.

Eli contou a Paulo André e Gustavo que Britney só conquistou a liberdade porque os fãs descobriram que o pai estava agindo daquela maneira. Ele falou que uma foto foi vazada, mostrando o cotidiano da cantora: "Foram descobrindo os documentos que o pai dela usou pra dizer que ela não tinha capacidade".

"Para pegar o dinheiro falaram que ela estava morrendo e o médico nunca esteve na frente da Britney. Os bastidores da fama dos grandes nomes é bizarro. Ela representa muito na música. O pop virou pop por, não só ela, ela foi muito importante. Quem vê os shows nem imagina."

<b>Fora da casa, Linn e Natália conversaram com Ana Clara</b>

Linna e BadNat foram as entrevistadas do BBB – A Eliminação. As duas relembraram momentos em que brigaram e que se apoiaram dentro do confinamento. Natália chamou a atenção ao falar para Ana Clara que não voltaria a se relacionar com Eliezer depois da edição.

"Se ele se aproveitou ou não, isso já não me importa mais. O que me importa é que ele seja feliz com as atitudes dele, com as consequências dele, assim como eu tomei a minha. Acredito que a vida tá aí pra devolver exatamente aquilo que a gente dá", disse a sister.