Estadão

Câmara dos EUA aprova pacote de US$ 350 bi para elevar competitividade com rivais

A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou nesta sexta-feira, 4, uma lei chamada "América Compete" (em tradução livre), que destina US$ 350 bilhões para aumentar a competitividade do país com rivais globais como a China. Divergências no Senado quanto à proposta, porém, indicam que será necessário mais esforço para a aprovação final do Legislativo americano.

Em junho, o Senado aprovou sua versão de US$ 250 bilhões da medida, chamada de "Lei de Inovação e Concorrência dos EUA". Os líderes da Câmara esperaram até as últimas semanas para montar seu próprio pacote, enquanto o Congresso discutia outras propostas de gastos fiscais.

Os pacotes de competitividade da Câmara e do Senado compartilham elementos essenciais. Ambos visam aumentar o apoio federal à pesquisa científica e, principalmente, às novas tecnologias, e preveem novos incentivos federais para ajudar a trazer a fabricação avançada de semicondutores de volta aos EUA – outra prioridade bipartidária.

Em nota publicada neste dia 4, a representante comercial dos EUA, Katherine Tai, disse considerar o pacote aprovado nesta sexta-feira pela Câmara um "grande passo em direção dos esforços para restaurar a indústria americana e fortalecer a competitividade" fora do país.

"A gama de suporte provida pela lei demonstra uma ampla concordância sobre a necessidade de começarmos a tomar medidas significativas para fortalecer nossas cadeias de suprimentos e apoiar nossas indústrias e inovadores nacionais", afirmou Katherine Tai.

<i>*Com informações de Dow Jones Newswires</i>