Educação

Estudantes já podem solicitar isenção da taxa de inscrição para o Enem 2021

O período de solicitação da isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 e para justificativa de ausência na última edição da avaliação está aberto. Estudantes podem realizar o procedimento através da página do participante até o dia 28 de maio.  Será necessário preencher um formulário com dados pessoais e envio das documentações que comprovem a justificativa de ausência ou a validação para o pedido de isenção.

Podem solicitar a isenção os estudantes que estejam cursando a última série do ensino médio, em 2021, em escola da rede pública; quem cursou todo o ensino médio em escola da rede pública, ou em escola da rede privada, com bolsa de estudo integral, além de ter renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio; ou ser membro de família de baixa renda inscrito no CadÚnico.

Quem estiver em um desses contextos deve anexar a documentação para comprovação, entre eles estão: cédula de identidade do participante e grupo familiar; cópia do cartão com o NIS válido; histórico escolar ou declaração de conclusão do ensino médio em escola pública, com assinatura e carimbo da escola. Bolsistas de escola particular devem enviar declaração da escola que comprove a condição de bolsista integral em todo o ensino médio.

Como funciona a justificativa de ausência no Enem?

A justificativa de ausência é destinada aos estudantes que conseguiram a isenção da taxa de inscrição na edição anterior do exame, não compareceram aos dois dias de provas, mas desejam realizar a prova este ano sem precisar pagar a taxa. Entre as razões aceitas para justificar estão: emergências médicas, comparecimento ao trabalho, morte na família, maternidade ou paternidade, vítima de acidente de trânsito, dentre outras.

O Enem é a maior prova de acesso ao ensino superior do país. Com o resultado do exame é possível ingressar no ensino superior de diversas formas. Os principais processos seletivos são os dos programas do governo Prouni, Sisu e Fies. Mas as possibilidades ofertadas pelo Enem não param por aí, atualmente 50 universidades portuguesas aceitam a nota da avaliação para acesso aos seus cursos de graduação.

Fonte: Agência Educa Mais Brasil