Início » Guarani empata com o Náutico fora e perde a chance de entrar no G4 da Série B
Estadão

Guarani empata com o Náutico fora e perde a chance de entrar no G4 da Série B

Mesmo com um jogador a mais desde os 41 minutos do primeiro tempo, o Guarani não soube aproveitar a vantagem numérica em campo e apenas empatou, por 1 a 1, com o Náutico na noite deste sábado, no Estádio dos Aflitos, em Recife (PE), pela 22.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Jean Carlos abriu o marcador para os pernambucanos e Bruno Sávio deixou tudo igual para os paulistas. O empate colocou o Náutico na quinta colocação com os mesmos 35 pontos do Botafogo, que fecha o G4 – zona de acesso – por conta do número de vitórias (10 a 9). O Guarani segue em sétimo lugar com 34 pontos e perdeu a chance de figurar entre os quatro primeiros.

Os dois times se pouparam nos minutos iniciais do jogo e deixaram para aprontar na reta final do primeiro tempo. Tudo começou com a expulsão de Iago aos 41 minutos. O jogador do Náutico teria xingado o árbitro Rafael Traci (SC), que mostrou cartão vermelho direto.
Mesmo com um jogador a menos, o Náutico abriu o marcador aos 44 minutos num contra-ataque. Giovanny roubou a bola e mandou para Jean Carlos. O meia-atacante bateu firme e venceu Rafael Martins.

O Guarani não se assustou e foi em busca do empate. Aos 48 minutos, Alex Alves fez boa defesa em cabeçada de Júlio César. Bruno Sávio pegou o rebote e deixou para Mateus Ludke encher o pé. O gol, no entanto, foi anulado com a ajuda do VAR, que viu impedimento de
Bruno Sávio.

O Guarani voltou com "sangue nos olhos" no segundo tempo. Aos 5 minutos, Lucão do Break aproveitou cruzamento de Júlio César e cabeceou com perigo. A bola raspou a trave. Na sequência, aos 8 minutos, Júlio César atacou de garçom e colocou na cabeça de Bruno Sávio para empatar o jogo.

O Náutico acordou e tentou voltar à frente aos 25 minutos. Luiz Henrique tabelou com Giovanny e bateu, mas Rafael Martins defendeu.

Na 23.ª rodada, o Náutico visitará o Vila Nova no OBA, em Goiânia (GO), na sexta-feira
(10), às 21h30. Antes, na terça (07), o Guarani receberá o CSA às 16 horas no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

NÁUTICO 1 X 1 GUARANI

NÁUTICO – Alex Alves; Hereda (Yago), Camutanga, Rafael Ribeiro e Bryan; Rhaldney (Luiz Henrique), Djavan e Jean Carlos (Tailson); Paiva (Matheus Trindade), Iago e Giovanny (Álvaro). Técnico: Marcelo Chamusca.

GUARANI – Rafael Martins; Mateus Ludke, Thales (Índio), Carlão e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade (Régis) e Andrigo; Bruno Sávio, Lucão do Break (Maxwell) e Júlio César (Allan Victor). Técnico: Daniel Paulista.

GOLS – Jean Carlos, aos 44 minutos, do primeiro tempo. Bruno Sávio, aos 8 minutos, do segundo tempo.

ÁRBITRO – Rafael Traci (SC).

CARTÕES AMARELOS Rafael Ribeiro, Alex Alves e Camutanga (Náutico); Bidu (Guarani).

CARTÃO VERMELHO – Iago (Náutico).

RENDA e PÚBLICO – Portões fechados.

LOCAL Estádio dos Aflitos, em Recife (PE).