Saúde

Guarulhos não exigirá mais comprovante de vacina e limite de ocupação em comércios

Guarulhos deixará de exigir, a partir de , apresentação do comprovante de vacinação, o chamado passaporte vacinal. A informação foi divulgada pelo prefeito Guti, em transmissão ao vivo na tarde desta quarta-feira, 3/11.

Restaurantes e bares, portanto, não deverão mais exigir o comprovante. Os grandes eventos, como shows em casas fechadas e jogos de futebol, continuam como exceção, sendo ainda obrigatória a apresentação, conforme regra do Plano São Paulo, desenvolvido pelo Estado.

A cidade está com apenas 8 leitos de UTI em atendimento, o que representa cerca de 24% de ocupação. Essa taxa chegou a ser maior do que 100%. Ou seja, Guarulhos já teve mais pessoas precisando de internação do que equipamentos disponíveis, no auge da pandemia.

Fim do limite de ocupação

Fica revogada, no decreto que será publicado nesta data, o limite de ocupação dos estabelecimentos comerciais na cidade.