Início » Guarulhos passa da marca de 4 mil mortos por Covid-19 
Saúde

Guarulhos passa da marca de 4 mil mortos por Covid-19 

COVID-19, Coronavirus, group of viruses that cause diseases in mammals and birds. In humans, the virus causes respiratory infections. 3D illustration.

Nesta quinta-feira, 3 de junho, Guarulhos ultrapassou marca de 4 mil pessoas mortas em decorrência da Covid-19 desde o início da pandemia, segundo dados do Seade, que divulga informações consolidadas da Vigilância Epidemiológica Estadual. A cidade chegou a 4008 óbitos, apenas 51 dias depois de ultrapassar os 3.000, em 13 de abril, quando totalizou 3.040, numa demonstração que a doença vem dizimando a população numa velocidade bem mais rápida que no ano passado.  

Em 23 de julho do ano passado, 128 dias após o início dos registros oficiais, Guarulhos atingiu a marca de mil mortos infectados pelo novo coronavírus. Naquele momento, vivia-se o pior momento da pandemia até então. O segundo semestre de 2020 registrou quedas significativas de infectados e mortos, tanto que a marca de 2.000 óbitos só foi atingida 210 dias (sete meses) depois, já em 18 de fevereiro deste ano.  

Dos dois mil para cá, a doença cresceu assustadoramente em Guarulhos, superando a marca de 3.000 mortos 74 dias depois em 13 de abril. Agora, mais mil se somam às estatísticas menos de dois meses depois.  

Nesta quinta-feira, dia que Guarulhos atingiu 4 mil óbitos por Covid-19, a média móvel de mortes fechou em 16 por dia, o dobro do registrado no último dia 30, quando marcou 8. Mesmo assim, na evolução de 14 dias, período que os epidemiologistas avaliam a tendência da doença, há uma queda de 9,6% em mortes, o que indica estabilidade.  

Em novos casos, segundo o Seade, Guarulhos tem 54.164 confirmados desde o início da pandemia. A média móvel nesta quinta-feira, 3, é de 122 por dia, uma queda de 24,7%, o que indica declínio da doença em Guarulhos.