Policial

Líder de facção assassinado em SP era investigado por roubo de ouro em Guarulhos

Dois homens foram executados na zona leste de São Paulo nesta segunda-feira. Câmeras de vigilância do bairro registraram o crime. Uma das vítimas é um dos maiores líderes do PCC.

A polícia investiga se ele foi assassinado por causa de uma disputa de poder e dinheiro dentro da própria facção. Outra hipótese é que ele pode ter sido morto por engano, em um atentado em que o alvo era o motorista.

O homem era investigado também pelo roubo de 720 quilos de ouro no aeroporto de Guarulhos em 2019.