Saúde

Mais de 50% dos guarulhenses já receberam pelo menos uma dose da vacina contra Covid-19 

Foto: Fabio Nunes Teixeira

Guarulhos já superou a marca dos 50% de vacinação contra a Covid-19 na população acima de 18 anos pelo menos com a primeira dose. Oficialmente, a cidade já aplicou 653.233 doses do imunizante, sendo 519.177 com a primeira dose, 124.894 com a segunda, além de 9.162 em dose única. Segundo estimativa populacional do Seade, o município conta com aproximadamente 1 milhão de pessoas acima de 18 anos, público apto a ser imunizado conforme o Plano Nacional de Imunização. 

 Ou seja, quase 52% dos vacináveis na cidade já tomaram pelo menos a primeira dose. Há ainda pouco mais de 100 mil guarulhenses que tomaram a vacina contra a Covid-19 na Capital, segundo estudos divulgados semanas atrás pela Fiocruz. Dados da Secretaria Municipal de Saúde apontam que 24 mil pessoas de outras cidades tomaram a vacina em Guarulhos, sobretudo funcionários do aeroporto e professores que lecionam no município, mas residem em outros lugares. Por esses dados que não entram na conta oficial, pode-se supor que perto de 600 mil guarulhenses já tomaram a primeira dose, o que elevaria para 60% o total de imunizados.  

Nesta sexta-feira, a cidade teve mais um Dia D de vacinação. Ainda não há dados oficiais, mas estima-se que entre 15 e 20 mil guarulhenses foram aos polos de imunização para receber a primeira dose. Esses números, porém, ainda não constam dos dados oficiais do Vacivida e devem ser contabilizados apenas na segunda-feira.  

Neste momento, Guarulhos vacina pessoas acima de 37 anos, além dos grupos com comorbidades já liberados pelo Plano Nacional de Imunização. Quem ainda não se vacinou, pode se agendar no site https://www.guarulhos.sp.gov.br/form/cadastro-de-vacinacao e escolher a UBS de sua preferência, dia e horário para se imunizar sem fila ou aglomeração.  

1 Comentário

Clique aqui para comentar

  • torço para que isto venha a SIGNIFICAR IMUNIZAÇÃO E NÃO TENHA EFEITO COLATERAL ESTRANHO NO FUTURO…(vejam o caso do bandido otto alencar, da BAHIA)