Estadão

Medvedev é eliminado por Nadal no 1º jogo após alcançar topo do ranking

Após garantir a primeira posição do ranking mundial, Daniil Medvedev voltou para a quadra na madrugada deste sábado e perdeu a semifinal do ATP de Acapulco, no México. O algoz foi um tenista que conhece muito bem o sentimento de ser o número 1 do mundo: a lenda espanhola Rafael Nadal, que tirou o russo da final com uma vitória por 2 sets a 0, com duas parciais de 6/3.

O triunfo fortalece o excelente início de temporada de Nadal, dono de 14 vitórias seguidas e campeão do Australian Open justamente diante de Medvedev, em janeiro. Na ocasião, o título o isolou como maior vencedor de Grand Slams da história, com 21 troféus, deixando Roger Federer e Novak Djokovic para trás. Quem também superou Djokovic recentemente foi o próprio Medvedev, pronto para assumir o 1º lugar do ranking, até então pertencente ao sérvio, na atualização de segunda-feira.

Com a animação lá em cima depois de ter vencido o melhor tenista do momento, Nadal disputará a grande final de Acapulco na madrugada de domingo. O adversário será o britânico Cameron Norrie, número 12 do mundo, classificado à decisão após vencer o grego Stefanos Tsitsipas.

"O nível do tênis dele é enorme. Ele evoluiu muito no começo do ano passado e continuou evoluindo neste ano. Será um grande desafio, nós estamos em uma final de 500 em Acapulco, então eu não posso esperar um oponente fácil. Estou muito empolgado de estar na final", disse o espanhol sobre seu adversário.

Contra Medvedev, Rafael Nadal fez um primeiro set dominante e contou com erros graves do adversário, no que poderia ser um momento de reação, para fechar a parcial com resultado positivo. No set final, salvou 11 break points seguidos ao longo de dois serviços e administrou a vantagem até o fim.

"Eu consegui pontos incríveis nos break points. O segundo set foi bastante emocional, Daniil estava jogando com bastante agressividade, foi um set com alto nível de dificuldade. Eu me sinto com sorte por ter vencido esse set porque ele teve muitas chances", avaliou o vencedor.