Estadão

Na Alemanha, contagem parcial mostra vitória apertada dos social-democratas

Uma contagem parcial baseada em 267 dos 299 círculos eleitorais mostrou que os social-democratas lideravam as eleições alemãs com 25,7% dos votos, contra 24,6% do bloco de centro-direita da chanceler de saída Angela Merkel. Até hoje, nenhum partido vencedor em uma eleição nacional alemã obteve menos de 31% dos votos.

Os verdes, que fizeram sua primeira candidatura à chancelaria com a colíder Annalena Baerbock, estavam em terceiro lugar com 14,1%, enquanto os democratas livres tiveram 11,5% dos votos, de acordo com a contagem parcial.

Armin Laschet, o governador do estado da Renânia do Norte-Vestfália que superou um rival mais popular para garantir a indicação da União Democrata-Cristã, partido da chanceler Angela Merkel, lutou para motivar a base. "Claro, esta é uma perda de votos que não é bonita", disse Laschet sobre os resultados, que pareciam destinados a ser o pior desempenho da União Democrata-Cristã em eleições nacionais. Fonte: Associated Press.