Polícia

Paulo Cupertino deve ser encaminhado para prisão de Guarulhos

Após audiência de custódia realizada nesta terça-feira, 17/5, no Fórum da Barra Funda, na Zona Oeste da capital paulista, Paulo Cupertino Matias deve ser levado para o Centro de Detenção Penitenciária II de Guarulhos, segundo o site G1.

Réu no caso da morte do ator Rafael Miguel – na época com 22 anos – e dos pais dele, em 9 de junho de 2019, Paulo Cupertino Matias foi preso nesta segunda-feira, 15/5, em São Paulo. Ele passou a noite no 77º DP e deixou a delegacia por volta das 9h.

Cupertino aparecia como o primeiro nome na página da Polícia Civil na listagem de mais procurados pelas forças do estado. Não havia, porém, promessa de fiança caso sua captura fosse efetuada. Em Guarulhos, três denúncias informaram que o criminoso foi visto no município durante o período que esteve foragido. Os policiais chegaram a Cupertino justamente através de uma denúncia anônima, na Zona Sul da capital.

O crime
Cupertino não aceitava o namoro de Rafael Miguel com sua filha, então com 18 anos. Ele assassinou o jovem com 13 tiros e seus pais, João Alcisio Miguel, de 52, e a mãe Miriam Selma Miguel, 50. O réu é acusado de triplo homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e recurso que impossibilitou a defesa das vítimas.