Saúde

Prefeitura tem apoio da Base Aérea para intensificar ações de combate ao Aedes aegypti

A partir de segunda-feira (7) até o dia 1º de abril, a Secretaria da Saúde contará com dez soldados da Base Aérea de São Paulo para reforçar o combate ao Aedes aegypti devido ao alto índice de infestação do mosquito identificado em Guarulhos. A ação conjunta, que será realizada das 9h às 12h, vai começar pelo bairro Jardim Presidente Dutra e seguirá ao Bonsucesso e à Vila Sadokim. Até o momento foram confirmados 28 casos de dengue e dois de chikungunya na cidade neste ano.

O trabalho, que envolve a visita casa a casa para a eliminação mecânica de potenciais criadouros do mosquito transmissor da dengue, do chikungunya e do zika vírus, além de orientações aos moradores, será realizado em duplas, sendo um agente de serviços de saúde do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) e um soldado devidamente treinado pelas equipes de saúde.

A ação de intensificação ocorre justamente após a Avaliação de Densidade Larvária (ADL) realizada em fevereiro deste ano, a qual apontou índice de 2,4, ou seja, de cada cem imóveis inspecionados, em 2,4 deles foram encontradas larvas do Aedes aegypti e, portanto, a situação do município é de alerta. Os bairros a serem trabalhados até o fim do mês são todos os que apresentaram índice maior que 0,9.

Vale ressaltar que as equipes estarão devidamente identificadas, com esquema vacinal completo contra a covid-19 e que, mesmo imunizadas, adotam as medidas de segurança como uso de máscaras, distanciamento social, higiene das mãos e utilização dos demais equipamentos de proteção individual (EPI) apropriados. Portanto, aos moradores de toda a cidade a Prefeitura pede a colaboração para que recebam os agentes e os soldados na luta contra as doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.