Estadão

São Paulo treina após derrota no Sul e vai torcer para Corinthians e Fluminense

O São Paulo voltou aos treinos, nesta sexta-feira, menos de 24 horas após a acachapante derrota para o Grêmio, por 3 a 0, em Porto Alegre. A equipe iniciou a preparação para o duelo com o Juventude, segunda-feira, no Morumbi, mas antes vai torcer para Corinthians e Fluminense no domingo.

Se o rival Corinthians não perder para o Grêmio, na Neo Química Arena, e o Fluminense arrancar pelo menos um empate, em Salvador, diante do Bahia, o time vai entrar em campo frente ao Juventude sem o risco do rebaixamento e poderá se concentrar na pequena, mas existente, possibilidade de obter uma vaga na Libertadores da próxima temporada.

O técnico Rogério Ceni, bastante criticado por parte da imprensa que analisou a derrota para o Grêmio – um dos motivos foi a escalação de Gabriel Sara como ala pela direita -, deverá fazer alterações na equipe. Ele, assim como o atacante Calleri, consideraram uma vergonha a atuação da equipe em Porto Alegre.

Com 28 gols marcados no Brasileirão, o São Paulo possui o terceiro pior ataque, à frente apenas dos já rebaixados Sport (21) e Chapecoense (27). Diante do Juventude, Ceni não terá opções para mudar o setor ofensivo.

William e Luan, lesionados, continuam fora da equipe. Luan ainda tem possibilidades de atuar este ano, enquanto Luciano, que precisou ser submetido a uma cirurgia para corrigir uma fratura no punho, continua em tratamento.