Estadão

Suns dominam Hornets, vencem e continuam na caça aos Warriors; Lakers ganham

Na rodada de domingo da temporada regular da NBA, o Phoenix Suns venceu o Charlotte Hornets por 133 a 99, no ginásio Spectrum Center, em Charlotte. Mesmo sem a presença do técnico Monty Williams e de jogadores fundamentais como Jae Crowder e Deandre Ayton – os três no protocolo da covid-19 -, o time do Arizona não encontrou qualquer dificuldade e dominou os donos da casa durante toda a partida.

Para os visitantes, destaque para Devin Booker, que anotou 24 pontos em apenas 29 minutos. Chris Paul obteve sete pontos e distribuiu 16 assistências e Jalen Smith, jovem pivô que substituiu Ayton, contribuiu com 19 pontos e 12 rebotes.

Do outro lado, LaMelo Ball anotou 17 pontos. Do banco de reservas, Kelly Oubre Jr., com 15 pontos, e Ish Smith, com 13 pontos e sete assistências, foram os destaques da noite apagada para a equipe de Charlotte. Com a derrota, encerra a sequência de três vitórias consecutivas.

O resultado positivo mantém os Suns na segunda posição da Conferência Oeste com 28 triunfos em 36 jogos, atrás apenas do Golden State Warriors, melhor campanha da liga até o momento. Já os Hornets, com 19 vitórias e 18 derrotas, estão em sétimo lugar no Leste.

Na Califórnia, jogando na Crypto.com Arena – novo nome do ginásio Staples Center -, o Los Angeles Lakers venceu o desfalcado Minnesota Timberwolves por 108 a 103, em um jogo truncado e sem muito brilho. Mais uma vez, o destaque dos donos da casa foi LeBron James, que encerrou a sequência de sete jogos anotando mais de 30 pontos, mas terminou a partida com 26.

Além do astro, Malik Monk fez um ótimo primeiro tempo e terminou com 22 pontos, enquanto que o armador Russell Westbrook, apesar dos 20 pontos, cometeu nove desperdícios de bola.

Os Timberwolves, por sua vez, ainda não puderam contar com Karl-Anthony Towns, afastado pela covid-19, além de DAngelo Russell. Com estas duas ausências importantes, o veterano Patrick Beverley tentou liderar a equipe ao lado de Anthony Edwards.

Os Lakers estão neste momento em sétimo lugar no Oeste, com 19 vitórias e 19 derrotas. Já os Timberwolves ocupam a nona posição com 16 triunfos e 20 reveses.

EM BOSTON – Foi preciso uma prorrogação e um Jaylen Brown inspirado para o Boston Celtics vencer o Orlando Magic. O astro da franquia de Massachusetts deu show para arrancar o empate com 21 pontos só no último quarto. No total, ele anotou 50 e comandou a vitória por 116 a 111.

Foi a maior pontuação da carreira do astro dos Celtics. Além dos 50 pontos, Brown ainda saiu com 11 rebotes para conseguir um "double-double" (dois dígitos em dois fundamentos). Só cometeu muitos erros no segundo quarto, acabando o jogo com sete "turnovers".

Dennis Schroder foi decisivo na prorrogação e fechou o jogo com 21 pontos. Marcus Smart foi mais uma peça importante dos Celtics, com 17 pontos.

<b>Confira a rodada de domingo da NBA:</b>

Toronto Raptors 120 x 105 New York Knicks
Boston Celtics 116 x 111 Orlando Magic
Cleveland Cavaliers 108 x 104 Indiana Pacers
Sacramento Kings 115 x 113 Miami Heat
Charlotte Hornets 99 x 133 Phoenix Suns
Oklahoma City Thunder 86 x 95 Dallas Mavericks
Los Angeles Lakers 108 x 103 Minnesota Timberwolves

<b>Confira a rodada de segunda-feira da NBA:</b>

Philadelphia 76ers x Houston Rockets
Washington Wizards x Charlotte Hornets
Brooklyn Nets x Memphis Grizzlies
Chicago Bulls x Orlando Magic
Milwaukee Bucks x Detroit Pistons
New Orleans Pelicans x Utah Jazz
Dallas Mavericks x Denver Nuggets
Golden State Warriors x Miami Heat
Portland Trail Blazers x Atlanta Hawks
Los Angeles Clippers x Minnesota Timberwolves