Início » Correção: Guedes diz receber conselhos para sair, mas não vê governo não indo bem
Estadão

Correção: Guedes diz receber conselhos para sair, mas não vê governo não indo bem

<i>A nota enviada anteriormente continha uma imprecisão no título, que trouxe excessos do pronome "que". Segue a nota com a manutenção do texto e o título alterado:</i>

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que tem recebido muitos conselhos para "sair logo" do governo, mas que não concorda com as avaliações de que o governo não esta bem. "Apanhamos dentro do próprio governo, apanhamos fora. Não falta gente que diz sai logo, custo está alto, governo não está bem. Não é o que eu vejo", afirmou, em audiência pública conjunta das comissões de Finanças e Tributação; Educação; Trabalho, Administração e Serviço Público; e Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados.

"Posso cair, posso ser derrubado, posso não ter performance satisfatória. Pode acontecer qualquer coisa. Mas enquanto estiver aqui, tenho que ter censo de responsabilidade e compromisso com melhor resultado possível", completou o ministro da Economia.

Guedes citou ministros que estão fazendo um bom trabalho, como Tereza Cristina, da Agricultura, Tarcísio Freitas, da Infraestrutura, e Marcelo Queiroga, da Saúde. "Queiroga consegue ter grau de comunicação que o Mandetta Luiz Henrique tinha, mas ao mesmo tempo capacidade logística de desentupir as coisas que o (ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello) estava tentando de todas as formas", analisou.