Estadão

MSC: identificação de casos de covid identificados mostra eficiência do protocolo

A MSC Cruzeiros, empresa responsável pelo cruzeiro MSC Preziosa, que atracou neste domingo, 2, no Porto do Rio com 28 casos confirmados de covid-19 a bordo, afirmou em nota que os casos identificados demonstram a "eficiência do nosso protocolo".

"É provável que muitos desses casos não tivessem sido identificados sem um monitoramento adequado como o realizado", afirmou a empresa, acrescentando que realizou testagens diárias de 10% de todos os hóspedes e tripulantes durante o percurso do navio.

O MSC Preziosa encerrou no Rio seu roteiro programado, com o desembarque dos hóspedes após autorização da Anvisa. Mais de 3 mil pessoas deixaram o navio. Os infectados foram retirados em automóveis e levados para casa (os que moram no Rio) ou colocados em hotéis específicos.

Segundo a empresa, o navio MSC Preziosa está operando normalmente e tem autorização para seguir com seu próximo itinerário de sete noites pelo Nordeste, assim que for concluído o embarque dos hóspedes do próximo cruzeiro. O embarque começou neste domingo.

A MSC Cruzeiros detalhou que todos os hóspedes com 12 anos ou mais precisam apresentar comprovante de vacinação completa contra covid-19. Os hóspedes a partir de dois anos devem apresentar teste do tipo RT-PCR negativo feito até 72 horas ou teste antígeno feito até 24 horas antes do embarque.