Estadão

ONU precisa ser democratizada, diz presidente da África do Sul na Cúpula do Brics

O presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, afirmou nesta quinta-feira, 23, que os mecanismos de tomada de decisões da Organização das Nações Unidas (ONU) devem ser democratizados para endereçar mais adequadamente os desafios predominantes na comunidade internacional.

Durante cúpula de líderes do Brics (bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), Ramaphosa também pediu que os países ampliem atenção a conflitos regionais.

Ele não citou um caso específico, mas disse que o foco e recursos globais têm sido desviados de grandes crises humanitárias.

"Desafios atuais como mudanças climáticas não estão sendo resolvidos", disse Ramaphosa.