Cidades

SP pode voltar a ter medidas de restrição para conter novo avanço da Covid-19

O governo de São Paulo pretende restringir novamente eventos com aglomerações em todo o Estado devido à alta taxa de transmissibilidade da variante Ômicron do coronavírus. O Comitê Científico de Combate à Covid-19 vai se reunir na tarde desta terça-feira, 11, para discutir a recomendação, que deve ser anunciada oficialmente na próxima quarta, durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

“Não há, neste momento, nenhuma indicação e necessidade de fechamento ou restrições ao comércio e setor de serviços, assim como ao setor produtivo do agronegócio e da indústria. Há, sim, cautela e recomendação expressa para que as pessoas usem máscaras o tempo todo”, afirmou o governador paulista, João Doria (PSDB), na manhã desta terça.

Segundo ele, as restrições a serem propostas e detalhadas oficialmente na quarta já foram apresentadas pelo Comitê, como medidas cautelares para impedirem ainda mais o avanço da variante Ômicron em São Paulo. Ainda na segunda-feira, 10, o Estado teve uma média móvel de 2,4 mil novos casos de covid, um aumento de 5.746% em relação a duas semanas atrás.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

  • o BHOSTA decretou 50% de ocupação nos estádios kkkk
    admitamos uma capacidade de 20,000, só poderão entrar 10,000
    aí eu pergunto► como ficam ests 10,000… e respondo► aglomerados, agarrados, sem máscara e pulando e gritando, um jogando vírus no outro uma vêz q os vacinados estão a espalhar o virus kkk, ou seja, SÓ O BHOSTA MESMO para decretar uma doria desta kkkk