Início » Como anda o Wi-Fi do seu restaurante preferido?
Tecnologia da Informação

Como anda o Wi-Fi do seu restaurante preferido?

Apesar de muitas pessoas terem o seu plano de 3G ou 4G para conectividade em ambientes externos, muitas
pessoas acabam por se conectarem na Internet sem fio de restaurantes, bares e lanchonetes, muitas vezes desconhecidos. 
Em lugares já frequentados, a conexão com a rede do estabelecimento acontece automaticamente ao entrar no recinto.
 
Muito bem! Economizar o plano de dados de sua operadora é algo importante, inclusive, há quem diga que "Negar a senha do Wi-Fi é
como negar um copo de água". Nos dias atuais e com a gigante necessidade de estar sempre conectado, realmente é quase
que uma necessidade "vital". Mas… será que é seguro este tipo de conexão?
 
 
PARA O CLIENTE DO ESTABELECIMENTO
 
Pode ser arriscado! não se sabe exatamente o caminho que está sendo percorrida a sua informação até o destino. Especialmente
no uso de aplicações que envolvem operações financeiras ou transporte de dados importantes para você, prefira o uso de
sua operadora móvel. Certamente te trará mais segurança.
 
Outra questão que na grande maioria dos casos acontece, é uma rede sem fio "amadora", permitindo que todos os dispositivos 
conectados ao mesmo estabelecimento possam se "enxergar". Desta forma, se em seu smartphone ou dispositivo Wi-Fi algum aplicativo
estiver permitindo conexões sem senha ou mesmo estiver com algum software malicioso instalado sem querer pelo seu filho, por exemplo, pode fazer com que seu equipamento esteja vulnerável enquanto você faz sua refeição tranquilamente.
 
 
 
PARA O ESTABELECIMENTO
 
Normalmente estes estabelecimentos não são ambientes servidos de mão-de-obra especializada em tecnologia. Este tipo de investimento normalmente é visto como um custo desnecessário para o negócio, porém, aqui está o risco. Não é difícil encontrar a rede Wi-Fi dos clientes conectada DIRETAMENTE na rede administrativa do local. Sim, isto mesmo… E olha, nem é preciso ser hacker para encontrar vulnerabilidades neste caso. Com o uso de alguns aplicativos gratuitos no celular, não é difícil encontrar vulnerabilidades e eventualmente buscar arquivos da máquina do caixa (e quem sabe apagá-los), varrer toda a rede de equipamentos local e até causar indisponibilidade de toda a rede.
 
 
DICAS
 
Procure se conectar à rede sem fio apenas quando estiver realmente utilizando a Internet.
Evite se conectar em redes abertas. Sim, tem muitas redes que ficam
abertas (sem senha) apenas aguardando alguém louco por um sinal grátis, e então seu dispositivo pode ser rastreado ou
seus dados trafegados devidamente coletados, digamos, para análise. 
Em caso de estabelecimentos, sempre procurar um profissional devidamente habilitado. 
 
 
MORAL DA HISTÓRIA
 
Não, a ideia não é apavorar ninguém, mas os devidos cuidados devem ser tomados para evitar transtornos.  
 
Sugestão de vídeo sobre rede: https://www.youtube.com/watch?v=hoZov_-rh3U
 
 
Escrito por: Eng Ricardo França / Diretor RFTecnologia
Lattes: http://lattes.cnpq.br/2325619047522101​
 

Comentar

Clique aqui para comentar